Destaque da excelência regulatória em iGaming na Ilha de Man

Lea Hogg há 3 meses
Destaque da excelência regulatória em iGaming na Ilha de Man


Em uma entrevista exclusiva com Nathan Lunt, o Gerente de Parcerias Estratégicas da Digital Isle of Man, uma parceria público/privada dentro do Departamento de Empreendimento do Governo da Ilha de Man, a SiGMA News explora o cenário regulatório da Comissão de Supervisão de Jogos da Ilha de Man (GSC). Lunt trata sobre regulamentações importantes, colaborações internacionais, desafios enfrentados e o papel crucial da jurisdição em incentivar a inovação na indústria de jogos.

Compromisso com segurança, proteção e prática responsável

Essencialmente, na Ilha de Man, superamos as exigências regulatórias; cultivamos um ambiente em que a proteção do jogador não é simplesmente uma formalidade, mas sim um elemento fundamental de nosso ecossistema de jogos.

Nathan Lunt, Digital Isle of Man

A Ilha de Man é reconhecida globalmente por seu compromisso com a segurança, fundamentado na Lei de Regulação de Apostas On-line (OGRA). A GSC, uma junta estatutária independente estabelecida em 1962, supervisiona o arcabouço regulatório, garantindo que os titulares de licenças mantenham os mais altos padrões. É uma das autoridades regulatórias mais antigas do mundo e regula todas as operações de jogos na ilha, independentemente da localização dos jogadores. Notavelmente, a Ilha de Man possui regulamentações robustas contra lavagem de dinheiro (AML) e prioriza a proteção dos jogadores, sem relatos de jogadores perdendo dinheiro ilegalmente para empresas da Ilha de Man.

As licenças emitidas pela comissão são altamente respeitadas na indústria de jogos, representando um órgão regulatório rigoroso e transparente. A licença da IOM recebe aprovação da UKGC devido aos padrões equivalentes de segurança e imparcialidade da Comissão, permitindo que os titulares de licenças promovam seus serviços no Reino Unido.

Lunt (na foto acima) enfatiza a dedicação da Ilha de Man às práticas responsáveis de jogos, exigindo que os titulares de licenças implementem ferramentas de autoexclusão, limites de depósito e informações sobre o jogo problemático. A ênfase da jurisdição na integridade se estende aos sistemas de jogos, com o Regulamento de Jogos On-line (Verificação de Sistemas) (No 2) de 2007 garantindo testes rigorosos de Geradores de Números Aleatórios (RNGs).

Abordagem global para a excelência regulatória e proteção ao jogador

A colaboração com outros órgãos regulatórios é um pilar fundamental da abordagem da Ilha de Man. A GSC tem acordos formais com órgãos regulatórios em todo o mundo, incluindo o Reino Unido, Alderney, Malta e Dinamarca, promovendo um quadro global para a integridade da indústria. Participando ativamente de fóruns como a Associação Internacional de Reguladores de Jogos (IAGR) e o Fórum Europeu de Reguladores de Jogos (GREF), a Ilha de Man contribui ativamente para moldar práticas regulatórias internacionais.

Abordando desafios, Lunt desmistifica concepções errôneas, afirmando que obter uma licença na Ilha de Man não é uma tarefa assustadora. O apelo crescente da jurisdição é atribuído à incerteza em outras jurisdições, com operadores buscando estabilidade e excelência regulatória. A Ilha de Man apoia ativamente os operadores, adaptando seu ambiente regulatório para atender às necessidades em constante evolução da indústria.

A proteção ao jogador permanece primordial, com controles compulsórios para limites de jogadores, links para organizações de apoio como GamCare e requisitos para fundos segregados para proteger os jogadores em caso de insolvência. O compromisso da Ilha de Man com padrões financeiros cria um ecossistema de jogos estável que prioriza o bem-estar do jogador.

O papel da Ilha de Man em apoiar a inovação na indústria de jogos é destacado por sua abordagem proativa às tecnologias emergentes. Iniciativas como a inclusão de moeda digital na legislação AML, licenciamento de loterias alimentadas por blockchain e criação de estruturas regulatórias para plataformas de financiamento coletivo mostram o compromisso da jurisdição com desenvolvimentos pioneiros.

Visão da Ilha de Man para a indústria de jogos em 2024 e nos próximos anos

Em termos de perspectivas futuras, Lunt afirma que a Ilha de Man já consolidou sua posição como um destino exclusivo para operadores. Com um aumento nas consultas e um aumento de 100% no número de titulares de licenças nos últimos cinco anos, o ambiente regulatório da jurisdição, apoiado pela Digital Isle of Man e um regime fiscal competitivo, conquistou reconhecimento global. Reconhecendo as forças únicas de cada jurisdição, Lunt acredita que o compromisso da Ilha de Man com a inovação e o suporte à indústria a posiciona favoravelmente, tornando válida uma comparação com outras jurisdições de alta qualidade, como Malta.

Olhando para o futuro de 2024, a Ilha de Man visa aprimorar ainda mais sua proposta de valor, avaliar sua oferta e expandir o número de licenças GSC ativas. Participando de eventos importantes da indústria ao longo do ano, a jurisdição busca destacar a facilidade de fazer negócios e manter seu status como uma jurisdição de jogos de primeira linha. Eventos como ICE London, SiGMA Europa e SBC Lisbon, junto com parcerias da indústria, desempenharão um papel crucial em mostrar as forças da Ilha de Man no cenário global. 

Lea Hogg, da SiGMA News, conversou com Nathan Lunt, o Gerente de Parcerias Estratégicas da Digital Isle of Man. Em seu papel na parceria público/privada do Departamento de Empreendimento do Governo da Ilha de Man, Nathan concentra-se em cultivar parcerias com empresas digitais. Seu objetivo é promover o crescimento dessas empresas na Ilha de Man, facilitando a comunicação eficaz entre o setor privado e o governo. Essa abordagem colaborativa oferece às empresas uma plataforma para participar ativamente de discussões sobre políticas e estratégias, visando apoiar a expansão dos negócios na Ilha de Man e criar oportunidades para novos setores.

Artigos relacionados:

Atenção: A próxima Conferência SiGMA Eurásia ocorrerá em Dubai entre 25 e 27 de fevereiro!

Impacto da licença da Ilha de Man na indústria de jogos de azar

Conferência anual do GREF 2024 será realizada pela MGA em Malta

Share it :

Recommended for you
Jenny Ortiz
há 2 dias
Júlia Moura
há 3 dias
Júlia Moura
há 3 dias
Jenny Ortiz
há 3 dias