A região do MENA – o último bastião de esperança para os e-sports?

Shirley Pulis Xerxen há 1 mês
A região do MENA – o último bastião de esperança para os e-sports?

O painel de discussão na SiGMA Eurásia 2024, moderado por Arshiya “Xarshyy” Faraghat, esclareceu as questões que permeiam as oportunidades e desafios únicos dentro da indústria de e-sports na região do Oriente Médio e Norte da África (MENA). Com os debatedores Aravind Swaminathan, Benedikt Becker e Paul Dawalibi, a conversa explorou o potencial da região do MENA como um centro em ascensão para e-sports.

Abraçando oportunidades no cenário de e-sports na região do MENA

Paul Dawalibi, CEO da Holodeck Ventures, enfatizou a região do MENA como o “último bastião de esperança” para a indústria de e-sports, destacando investimentos governamentais substanciais priorizando o crescimento em detrimento da lucratividade imediata. Dawalibi destacou que a indústria depende desses investimentos para sua sobrevivência, sinalizando uma mudança significativa no cenário global de e-sports.

Aravind Swaminathan, cofundador e diretor de desenvolvimento de negócios da Calyx, ecoou os sentimentos de Dawalibi, reconhecendo o influxo de capital nos e-sports na região do MENA. Xarshyy enfatizou a importância de conscientizar sobre e-sports na região, reconhecendo sua atual fase de crescimento.

Benedikt Becker, diretor de marketing da Shikenso Analytics, identificou o alcance da audiência da Geração Z como uma oportunidade proeminente no mercado da região do MENA. Esse foco em demografias mais jovens sinaliza uma possível via para crescimento e engajamento exponenciais na região.

Abordando desafios e pavimentando o caminho para o futuro

Junto com essas oportunidades, os debatedores também abordaram os desafios que impedem a plena realização do potencial de e-sports na região do MENA. Xarshyy destacou as percepções culturais e normas sociais como barreiras significativas, baseando-se em sua experiência pessoal de desaprovação familiar ao seguir uma carreira em e-sports em vez de odontologia.

Aravind Swaminathan destacou a falta de compreensão entre os patrocinadores sobre e-sports, enfatizando a necessidade de iniciativas educacionais para superar essa lacuna de conhecimento. Paul Dawalibi levantou preocupações sobre a sustentabilidade de longo prazo da indústria, especialmente diante de investimentos fragmentados e o equilíbrio entre atrair turistas e atender à população local, como visto na Arábia Saudita.

Benedikt Becker expressou sua esperança de que a região do MENA lidere uma nova era de e-sports, destacando a importância da análise na justificação de investimentos e compreensão do engajamento da audiência. Ele ressaltou a importância de os governos investirem em iniciativas de e-sports na base e no apoio a start-ups, visando promover um ecossistema próspero.

Em conclusão, Xarshyy fez uma pergunta voltada para o futuro aos debatedores: onde eles enxergam os e-sports na região do MENA em uma década? Enquanto Dawalibi permaneceu cético, Swaminathan antecipou grandes patrocínios inundando a região, enquanto Becker destacou o jogo em nuvem como um potencial transformador. Suas visões destacaram tanto o potencial quanto os desafios enfrentados pelos e-sports na região do MENA, demonstrando um quadro complexo, mas promissor, para o futuro.

SiGMA África – faltam apenas duas semanas!

Com menos de duas semanas até o tão aguardado evento SiGMA África na Cidade do Cabo, África do Sul, que acontecerá em 11 de março, a indústria de jogos está agitada e com expectativa. O Grupo SiGMA reconhece a necessidade de promover colaboração e inovação dentro da indústria. Ao reunir principais stakeholders e visionários em jogos, a SiGMA tem como objetivo catalisar o progresso e impulsionar África e Eurásia para uma nova era de prosperidade e oportunidade. À medida que a contagem regressiva para os eventos se inicia, a expectativa aumenta para o que promete ser dois encontros marcantes de líderes e pioneiros.

Share it :

Recommended for you
Lea Hogg
há 1 dia
Júlia Moura
há 2 dias
Júlia Moura
há 2 dias
Lea Hogg
há 2 dias