Coljuegos intensifica combate aos jogos ilegais em Yumbo e destroem 1.400 itens

Júlia Moura há 1 mês
Coljuegos intensifica combate aos jogos ilegais em Yumbo e destroem 1.400 itens

Em uma investigação contra os jogos ilegais de sorte e azar, Coljuegos, a entidade reguladora dos jogos de azar na Colômbia, protagonizou a destruição de mais de 1.400 elementos relacionados a essas práticas ilícitas na cidade de Yumbo, no Valle del Cauca. 

Essa operação intensiva faz parte de uma série de ações de controle da ilegalidade lideradas pela Coljuegos. O presidente da entidade, Marco Emilio Hincapié, destacou que os elementos destruídos, estimados em cerca de US$ 200 milhões, alimentavam o mercado ilegal não apenas em Yumbo, mas também em outros municípios da Região Cafeeira, como Armênia, Dosquebradas e Manizales. 

A incursão resultou na apreensão de diversos equipamentos utilizados nos jogos clandestinos, incluindo 306 máquinas caça-níqueis eletrônicas, 538 elementos de bingo e 66 módulos de apostas desportivas. Durante a operação de destruição, foram encontrados US$ 10 milhões em moedas e notas dentro das máquinas, montante que agora está depositado judicialmente e será destinado à saúde pública. 

O presidente Hincapié aproveitou para ressaltar a importância da legalidade nesse setor, enfatizando que a Coljuegos está empenhada em oferecer facilidades para aqueles que desejam operar dentro da lei. Nesse sentido, a entidade está implementando o programa “MET de la paz”, visando regularizar a situação dos pequenos proprietários de máquinas caça-níqueis eletrônicas, facilitando a obtenção das licenças necessárias para operação legal. 

Além disso, Hincapié reiterou a firmeza da Coljuegos em relação aos que insistem em operar à margem da lei, privando o Estado de recursos consideráveis que poderiam ser direcionados para serviços essenciais, como a saúde. 

É alarmante o fato de que as organizações de jogos ilegais na Colômbia deixam de pagar cerca de US$ 1,5 bilhão anualmente ao Estado em direitos de exploração, uma quantia substancial que poderia ser vital para melhorar a saúde e o bem-estar dos cidadãos de baixa renda. Essa realidade reforça a necessidade contínua de medidas rigorosas para combater essa prática ilegal e garantir a integridade do setor de jogos de azar no país.

SiGMA Asia 2024, de 3 a 5 de junho. Encontre mais detalhes aqui.

Share it :

Recommended for you
Lea Hogg
há 14 horas
Christine Denosta
há 15 horas
Christine Denosta
há 17 horas
Shirley Pulis Xerxen
há 3 dias