PAGCOR, das Filipinas, repudia desinformação sobre planos de privatização

Jenny Ortiz há 2 meses
PAGCOR, das Filipinas, repudia desinformação sobre planos de privatização

A PAGCOR (Corporação Filipina de Entretenimento e Jogos), órgão regulador de jogos no país, repudiou as informações falsas que circulam on-line sobre os planos de privatização da agência.

Em um comunicado à imprensa, a PAGCOR afirmou que tais movimentos causam desmoralização injustificada entre os funcionários da agência.

O presidente e CEO da PAGCOR, Alejandro Tengco, citou em particular uma postagem em mídia social de um funcionário, Gian Samson, que alegava que a agência planejava gastar PHP 500 milhões (€ 8,3 milhões) para renovar sua filial do Casino Filipino em Angeles City, Pampanga.

“Não há absolutamente nenhuma verdade nas alegações do Sr. Samson, pois as renovações serão totalmente custeadas pelo locador”, afirmou Tengco em um comunicado.

“Não somos proprietários do prédio onde [Casino Filipino] Angeles está localizado, por isso fizemos acordos com o locador para arcar com as despesas de renovação, pois eles são os proprietários da propriedade, e a PAGCOR é apenas a locatária”, acrescentou Tengco.

Tengco afirmou que o mesmo acordo está sendo buscado para a filial do Casino Filipino em Bacolod como parte dos esforços da agência para tornar os cassinos mais atraentes para os clientes.

Privatização do cassino da PAGCOR em andamento

Tengco afirmou que a privatização dos cassinos da PAGCOR começará no último trimestre de 2025, no mínimo. Ele assegurou que a agência dará tempo suficiente para fornecer redes de segurança para aqueles que serão afetados.

Além disso, o presidente da PAGCOR desmentiu as alegações de que um total de 10.000 funcionários perderiam seus empregos quando a agência for privatizada.

“Esse número é muito enganoso porque a contagem de 10.000 funcionários é o total de nossa força de trabalho”, disse ele.

“Não estamos desmantelando a PAGCOR; estamos apenas eliminando nossas operações de cassino, mas muitos trabalhadores permanecerão nas unidades regulatórias, de fiscalização, monitoramento e licenciamento de jogos eletrônicos, entre outros”, acrescentou.

SiGMA Eurásia e SiGMA África – falta menos de um mês 

Faltando menos de um mês para o tão aguardado evento SiGMA África, que começa na Cidade do Cabo, África do Sul, em 11 de março, a indústria de jogos está agitada e entusiasmada. Relembrando o sucesso da edição inaugural em Nairóbi, Quênia, em janeiro de 2023, a SiGMA África está se posicionando estrategicamente na vanguarda do cenário de jogos em expansão da África. Com o mercado do continente pronto para um crescimento exponencial, impulsionado por um ecossistema digital em rápida evolução e conectividade móvel crescente, o Grupo SiGMA reconhece a necessidade de fomentar a colaboração e a inovação na indústria. Ao reunir principais interessados e visionários em jogos, a SiGMA visa catalisar o progresso e impulsionar a África para uma nova era de prosperidade e oportunidade. À medida que a contagem regressiva para o evento começa, a expectativa aumenta para o que promete ser um encontro marcante de entusiastas e inovadores de jogos na vibrante Cidade do Cabo.

A quarta edição da SiGMA Eurásia será realizada novamente no InterContinental Dubai Festival City. Entre 25 e 27 de fevereiro de 2024, a conferência oferecerá oportunidades inestimáveis para os participantes fazerem networking com profissionais da indústria, terem contato com as últimas tecnologias e inovações do setor, se encontrarem com os principais tomadores de decisão e obterem insights sobre novos mercados.

Share it :

Recommended for you
Júlia Moura
há 2 horas
Júlia Moura
há 6 horas
Jenny Ortiz
há 17 horas
Júlia Moura
há 1 dia